Casamento Nossa Senhora do Brasil

Casamento na Igreja Nossa Senhora do Brasil

Casamento na Igreja Nossa Senhora do Brasil, esta sem dúvida é uma das igrejas mais badaladas de São Paulo.

O artigo dispõe de dicas e informações úteis que toda noiva adoraria receber antes de ler sobre mitos e verdades por aí…

Além de conhecer fatos históricos que fazem parte de um dos templos mais elegantes da cidade de São Paulo.

Leia até o fim, pois você encontrará, também, orientações que vão te ajudar nos preparativos do casamento.

Dentre as várias informações, teremos:

  • Preparativos para o casamento
  • História e Origem da Igreja
  • A Padroeira
  • Localização da paróquia
  • Orientações para o grande dia
  • Pontualidade e quantidade de padrinhos
  • Decoração
  • Assessoria
  • Música para casamento – Coral e Orquestra
  • Instrumentos musicais

Realizar o casamento na Igreja Nossa Senhora do Brasil é o sonho de inúmeras noivas paulistanas, tornando esta igreja como uma das mais desejadas da cidade de São Paulo. Sendo comum acontecer cerimônias de casamento de famosos e celebridades.

Quanto custa para casar na Igreja Nossa Senhora do Brasil?

Tudo vai de encontro com o tamanho do sonho! O que pode ser muito para alguns, para outros, pode ser perfeitamente ajustado dentro do “budget” do casal para que concretize a realização dos sonhos. E sem falar na lenda que é se casar nesta igreja para algumas noivas.

Preparativos para o casamento

Antes mesmo de começar os preparativos, a primeira coisa é marcar a igreja com bastante antecedência, caso queira garantir a data da sua preferência. Segundo a igreja, a reserva pode ser realizada até um ano e meio antes.

A igreja tem capacidade para acomodar até 300 convidados e dispõe de ar-condicionado.

É possível celebrar o casamento quase todos os dias da semana, de segunda a quinta às 20 e 21 horas; às sextas 19, 20 e 21 horas; e aos sábados com mais opções de horários: 17, 18, 19, 20, 21 e 22 horas. Somente aos domingos é que não celebram casamentos.

História e Origem da Igreja

Casamento Nossa Senhora do Brasil_

A Paróquia Nossa Senhora do Brasil é um dos principais símbolos do Jardim América, bairro urbanizado em 1915, sendo hoje como uma das igrejas que mais recebem turistas em São Paulo. No conjunto da cidade de São Paulo é única por sua arquitetura.

Embora ela tenha sido inspirada no barroco mineiro, foi construída numa época em que a tendência da arquitetura era a mistura, sendo uma concepção eclética, painéis de pastilha cerâmica lembram a Igreja São Basílio de Moscou e a balaustrada de suas torres remetem aos minaretes muçulmanos.

Portanto é uma igreja que na concepção arquitetônica mistura alguns estilos, o interior dela foi projetado pelo pintor e ceramista Antônio Paim. Ele inspirou-se nos azulejos das igrejas portuguesas, mas com a temática e todo o contexto em nossa cultura brasileira.

No interior da igreja encontramos nas pinturas além da devoção à Nossa Senhora, também um pouco da história da igreja no Brasil, eleição de papas, o conselho Vaticano Segundo, entre outros.

A Padroeira

A história da devoção à Nossa Senhora do Brasil vem do início do século 17, com a existência de uma imagem da Virgem Maria, considerada milagrosa entre uma missão indígena em Pernambuco.

Embora seja contada a história da igreja nos azulejos, é focado na devoção à Maria.

Paróquia Nossa Senhora do Brasil

A paróquia fica no cruzamento da Av. Brasil x Rua Colombia, no Jardim América, numa área que foi planejada pela companhia city quando elaborou este bairro.

Enquanto paróquia foi fundada em 1940 pelo então arcebispo de São Paulo Dom José de Afonseca e Silva e 2 anos depois teve inicio a construção da Igreja Matriz.

Uma das partes mais belas dessa igreja no conjunto da obra, são dois elementos: a pintura na via sacra da igreja com 14 cenas da vida da paixão do Nosso Senhor Jesus Cristo e um conjunto de azulejos no painel que pouca gente vê porque está instalado no altar e conta a história da padroeira que foi escolhida para paróquia que é a Nossa Senhora do Brasil.

A Igreja Nossa Senhora do Brasil ficou famosa como uma das igrejas preferida das noivas que querem se casar em São Paulo, e isso também se deve pela elegância e beleza da fachada externa quando iluminada, mas principalmente pela beleza da arquitetura interior.

A Paróquia Nossa Senhora do Brasil recebe muitos turistas por estar no ciclo do turismo religioso dentro da cidade de São Paulo.

No interior existe o altar-mor de madeira entalhada que pertenceu à Igreja de Sant’Ana de Mogi das Cruzes, supõe que em 1740, de acordo com o escritor francês Germain Bazin na obra L’Architecture Religieuse Baroque au Brésil.

Orientações para o grande dia

Pontualidade e quantidade de padrinhos

É necessário que os noivos, pais e padrinhos respeitem a pontualidade. Diante disso, é indicado informar no convite trinta minutos de antecedência ao marcado na igreja — ajudando a evitar, inclusive, atraso dos convidados.

O noivo e os padrinhos devem chegar 30 minutos de antecedência do horário agendado, encaminhando-se à secretaria para assinarem a ata do Matrimônio.

A celebração contará com até 1 hora de duração. Porém, caso a noiva se atrase, a cerimônia será abreviada ou até transferida para outra data.

O casamento será iniciado no horário marcado, mesmo que alguns dos convidados a ocupar o altar não estejam presentes.

Devido ao limite de espaço, o número de padrinhos e madrinhas limita-se a cinco casais, não incluindo os pais dos noivos.

Durante a cerimônia, os cumprimentos aos pais e padrinhos do noivo e da noiva deverão ocorrer simultaneamente.

Decoração

Caso tenha mais de 1 casamento no dia, os noivos deverão dividir entre si as despesas de decoração da igreja.

Assessoria

Caso os noivos considerem conveniente a presença do seu assessor de eventos ou de cerimonial, ele atuará somente até a chegada da noiva à porta do templo.

A partir de então, toda orientação no cerimonial da paróquia será realizada pela equipe da igreja e não serão permitidos comandos, ações ou orientações de terceiros sem o consentimento da igreja.

Música para casamento – Coral e Orquestra

Somente músicas sacras e eruditas poderão ser executadas antes e durante o ato litúrgico. Não subestime a importância da música na cerimônia .

Músicas não litúrgicas poderão ser tocadas somente após a celebração do Sacramento do Matrimônio, ou seja, a partir do início dos cumprimentos — incluindo os cortejos de saída dos noivos e padrinhos.

Mas com a condição que as letras, melodias e ritmos sejam adequados e não contrariem a dignidade do sacramento do matrimônio e respeitem as seguintes normas quanto ao uso de instrumentos e execução musical.

A Sognatori Per Caso oferece seu repertório dentro das normas da igreja, caso queira uma cotação clique aqui.

Instrumentos musicais

É sugerido a utilização do orgão da igreja, ou caso seja feito com o teclado deve ser empregado somente com o efeito de órgão;

Não é permitido o uso de microfones e/ou qualquer tipo de amplificação para instrumentos e vozes, sendo autorizado apenas de forma acústica;

Para o instrumento de percussão, não é permitido condução rítmica (levadas de bateria) mas somente com execução sinfônica.

O Salmo 127 (128) “Felizes os que temem o Senhor” deve ser cantado; caso não haja coral, deve ser lido.

Durante a bênção das alianças é importante que não seja executada nenhuma música, nem mesmo “fundo musical”, permitindo que as ricas palavras pronunciadas pelo sacerdote sejam ouvidas com mais clareza.

Após a troca de alianças, pede-se que seja executada a Ave Maria.

Durante a Comunhão dos noivos, deve ser executado um canto adequado relacionado à Santíssima Eucaristia.

Casamento na Igreja Nossa Senhora do Brasil

Caso a noiva se atrase, a cerimônia deverá ser abreviada, para evitar atrasos nos casamentos seguintes. Sendo assim, se necessário, algumas músicas precisarão ser omitidas ou abreviadas.

O coral e orquestra contratado, ciente do regulamento usual, deve manter os noivos informados para que seja possível garantir a pontualidade e a tranquilidade da celebração.

Cada coral ou orquestra poderá realizar até dois casamentos por dia, conforme decidido em assembleia. A taxa cobrada pela igreja dos prestadores de serviços será paga integralmente por estes, e não pelos noivos, antes da cerimônia.

Concluindo, para fecharmos com chave de ouro este artigo, uma citação do nosso PAPA FRANCISCO:

*“E o amor é capaz de fazer viver apaixonados toda uma vida: na alegria e na dor, com o problema dos filhos e os próprios problemas, mas ir sempre avante. Na saúde e na doença, mas ir sempre avante. Esta é a beleza do matrimônio”.

Quero oferecer de cortesia o e-book que a Sognatori Per Caso preparou para você, “COMO TER A MELHOR MÚSICA NO CASAMENTO – O GUIA COMPLETO”. Clique no link para baixar.

Caso você se case em outra igreja, qual será o local do seu casamento?

Compartilhe conosco, será um prazer receber seu comentário.

5 comentários em “Casamento na Igreja Nossa Senhora do Brasil”

  1. Pingback: 130 Músicas para Casamento: incríveis ideias de músicas para cerimônia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *